Tia Marcelina, a negra da costa, e as memórias do Quebra de Xangô de Alagoas
PDF

Como Citar

DA SILVA ALMEIDA, A. D.; DE MENEZES PEREIRA DA SILVEIRA, P. A. Tia Marcelina, a negra da costa, e as memórias do Quebra de Xangô de Alagoas. Acervo, v. 33, n. 1, p. 128-145, 26 nov. 2019.

Resumo

Tia Marcelina, africana que teve seu terreiro invadido por um grupo miliciano, foi espancada em 1º de fevereiro de 1912. Além da dor, sua imagem resiste para não ser apagada e preservar o que ficou conhecido como o Quebra de Xangô. Este artigo apresenta fragmentos de memórias de quem a conheceu e creditou sua importância para a história dos xangôs em Alagoas.

Palavras-chave: tia Marcelina; memórias; apagamento; Quebra de Xangô.

PDF
Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.