Submissões
Acesse sua conta ou Registre-se para fazer uma nova submissão.

Diretrizes para Autores

Foco e escopo

Acervo é a revista do Arquivo Nacional, de periodicidade quadrimestral, publicada desde 1986. Tem por objetivo divulgar estudos e fontes nas áreas de ciências humanas e sociais aplicadas, especialmente arquivologia e história.

A revista é composta pelas seções: 

Dossiê temático - cada número da revista apresenta um conjunto de artigos sobre o tema selecionado. Até 20 laudas (cerca de 40 mil caracteres com espaços);

Artigos livres - textos resultantes de estudos e pesquisas, concernentes a temas de interesse da revista, adequados ao foco e ao escopo da publicação. Até 20 laudas (cerca de 40 mil caracteres com espaços);

Resenha - texto crítico sobre obra – livro ou filme – lançada até dois anos antes da chamada para o número da revista. Até cinco laudas (cerca de 10 mil caracteres com espaços);

Documento - textos técnicos ou análises sobre o acervo do Arquivo Nacional, com documentos transcritos parcial ou integralmente, ou reproduzidos como fac-símiles, relevantes para a pesquisa nas áreas de ciências humanas e sociais aplicadas. Os autores são convidados pelos editores de cada dossiê. Até 15 laudas (cerca de 30 mil caracteres com espaços). Não avaliada por pares;

Entrevista - um especialista é entrevistado pelos editores convidados. A seção debate a temática abordada pelo dossiê. Não avaliada por pares.

Os originais apresentados para publicação nas seções Dossiê Temático, Artigos Livres e Resenha são submetidos ao processo de avaliação cega por pares.

 

Normas para apresentação dos originais

A revista Acervo publica somente trabalhos inéditos em português, espanhol e inglês, submetidos por meio do sistema Open Journal Systems (OJS).

Os textos devem ser assinados por autores com doutorado ou ter doutores como coautores. A qualificação mínima para a coautoria é estar cursando o mestrado.

Os artigos expressam única e exclusivamente as opiniões e conclusões de seus autores. O envio de originais implica a autorização de publicação à revista, por um ano, a partir da data de submissão.

Cada autor pode submeter apenas um artigo por dossiê temático, inclusive na condição de coautor. Para fomentar a diversidade de autores e ideias, após terem seus artigos publicados na revista, os autores terão novas submissões avaliadas somente a partir da chamada de artigos para o terceiro dossiê subsequente. Isso também se aplica a autores de artigos elaborados em coautoria.

Para preservar o sigilo na avaliação cega por pares, os dados sobre autoria devem ser indicados nos metadados, no passo 3 da submissão pelo OJS, e não devem constar no corpo do texto. Da mesma forma, as informações sobre autoria que constem nas propriedades dos arquivos devem ser apagadas.

Todo artigo enviado à revista Acervo deve ser acompanhado de até quatro palavras-chave e de um resumo com, no máximo, 60 palavras (400 caracteres com espaços). Título, resumo e palavras-chave devem ser encaminhados com versões em inglês e em espanhol.

Os textos deverão ser submetidos em .doc, .docx ou .rtf, fonte Times New Roman, corpo 12, espaço 1,5, formato de página A4. As margens devem seguir o padrão de 3 cm para superior e esquerda e 2 cm para inferior e direita.

Imagens – Cada artigo pode conter até cinco imagens, com as respectivas legendas e referências, e a indicação de sua localização no texto. As imagens devem ter resolução mínima de 300dpi no formato .tif e ser submetidas como documento suplementar, no passo 2 da submissão pelo OJS.

Caso o artigo reproduza documentos, imagens e/ou material legalmente protegido, cabe ao autor obter as autorizações e direitos de reprodução. É igualmente do autor a responsabilidade pelos danos decorrentes da ausência dessa medida.

Tabelas, quadros e gráficos – Tabelas e quadros podem ser compostos em Word e inseridos no próprio arquivo do artigo; os gráficos, preferencialmente em Excel.

Notas e remissões bibliográficas – As notas explicativas devem constar no rodapé das páginas, em algarismos arábicos, e ter no máximo cinco linhas. As remissões bibliográficas não devem ser feitas em notas e sim no corpo do texto. O autor deve ser citado entre parênteses pelo sobrenome separado por vírgula do ano de publicação: (Bessone, 1997). Se o nome do autor estiver citado no texto, indica-se apenas a data entre parênteses: Bessone (1997). Quando houver necessidade de indicar a página, esta deverá vir separada por vírgula e precedida de “p.”: (Bessone, 1997, p. 25). Quando o autor possui mais de uma obra no mesmo ano, discrimina-se por letra minúscula após a data, sem espacejamento: (Bessone, 1997a) ou (Bessone, 1997b). Para obras com dois autores, ambos serão indicados, usando “;”: (Bessone; Cabral, 1998). Se possuir mais de dois autores, inclui-se somente o primeiro seguido de “et al.”: (Bessone et al., 1999).

Referências bibliográficas – Devem constituir lista única ao final do artigo, em ordem alfabética, seguindo as normas estipuladas pela ABNT na NBR 6023: 2002.

As fontes documentais devem constar em notas de rodapé, com as informações necessárias para a localização dos documentos (instituição custodiadora, fundo/coleção, notação etc.).

A revista Acervo poderá adequar os originais às suas normas editoriais e projeto gráfico.

 

Avaliação cega por pares

Todos os artigos submetidos que atendam às diretrizes da revista passam pela avaliação cega por pares, feita por membros do Conselho Editorial ou por pareceristas ad hoc convidados. As avaliações são realizadas por dois especialistas da área de conhecimento de cada artigo, sendo que os avaliadores devem, necessariamente, ter o título de doutor. Os pareceristas recebem os textos sem qualquer identificação de autoria, de forma a garantir a avaliação às cegas. Em caso de pareceres divergentes, pode ser convidado um terceiro parecerista. A decisão editorial é tomada pelos editores de dossiê e pelo editor científico, de acordo com os pareceres recebidos.

Os autores recebem os pareceres transcritos, sem a identificação de autoria dos avaliadores, e com a definição sobre a publicação ou não de seu artigo.

Os artigos podem ser rejeitados, aprovados ou recomenda-se que sejam feitas alterações, de acordo com as demandas apresentadas pelos pareceristas avaliadores. Se for solicitada a reformulação/correção do texto, o autor tem o prazo de 15 dias para apresentar uma nova versão com as alterações realizadas, que poderá passar por nova avaliação por pares e será, finalmente, rejeitada ou aprovada. Neste segundo caso, o artigo se junta aos demais aprovados e inicia-se a preparação de originais para publicação.

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato .doc, .docx ou .rtf.
  • Links para as referências foram informados quando possível.
  • O texto segue as normas para apresentação dos originais descritas em “Diretrizes para autores”.
  • Para seções com avaliação por pares (Dossiê Temático, Artigos Livres e Resenhas), as instruções disponíveis em “Garantindo o blind review”, no passo 2 da submissão pelo OJS, foram seguidas.
  • Todos os autores contribuíram significativamente para a pesquisa.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados no sistema de publicação desta revista serão usados exclusivamente por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.