Filhos de brancos, bastardos e mamelucos em famílias mestiças (São Paulo, séculos XVI e XVII): notas
PDF

Palavras-chave

família
mestiçagem
São Paulo

Como Citar

GUEDES, R.; GODOY, S. Filhos de brancos, bastardos e mamelucos em famílias mestiças (São Paulo, séculos XVI e XVII): notas. Acervo, v. 30, n. 1, p. 18-33, 5 jun. 2017.

Resumo

O trabalho analisa a presença de índios em famílias na vila de São Paulo dos séculos XVI e XVII. Salienta o papel de relações polígamas indígenas, casamentos, concubinatos e adultérios cristãos. Ao longo dos anos emergiram os chamados bastardos, mamelucos e filhos de brancos como componentes familiares. Eram famílias mestiças.
PDF

Creative Commons License

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença  Creative Commons 4.0 Internacional